Covid-19 pode afetar lobo frontal e comprometer funções cerebrais

Covid-19 pode afetar lobo frontal e comprometer funções cerebrais

Pesquisadores da Faculdade de Medicina Baylor(EUA) publicaram um estudo no Seizure: European Journal of Epilepsy sobre como a Covid-19 perturba padres da funo cerebral normal, que podem ser medidos por um EEG (eletroencefalograma).

Um EEG registra a atividade eltrica em diferentes partes do crebro humano usando eletrodos colocados em seu couro cabeludo.

Os cientistas reuniram dados de cerca de 620 pacientes com a doena e fizeram parte de 84 estudos publicados em peridicos. Essas pesquisas continham informaes em forma de ondas, provenientes dos eletroencefalogramas a que foram submetidas parte dessas pessoas.

Dessa forma, foi possvel analisar se os resultados do EEG indicaram alguma forma de encefalopatia relacionada Covid-19 nesses pacientes, como sinais de comprometimento ou perturbao da funo cerebral. Aproximadamente dois teros dos pacientes nos estudos eram do sexo masculino e a mdia de idade era de 61 anos.

No entanto, importante ressaltar que algumas pessoas tambm tinham uma condio preexistente, como a demncia, que poderia alterar uma leitura de EEG, que os pesquisadores consideraram ao avaliar seus resultados de teste.

Covid-19 pode afetar o lobo frontal

Do total de pacientes analisados, 420 tiveram necessidade de passar por um EEG e o motivo mais comum foi um estado mental alterado: cerca de dois teros experimentaram algum delrio, coma ou confuso.

Cerca de 30% tiveram um evento semelhante a uma convulso, o que levou o mdico responsvel pelo tratamento a pedir um eletroencefalograma, enquanto um punhado de pacientes tinha problemas de fala. Outros sofreram uma parada cardaca sbita, que poderia ter interrompido o fluxo sanguneo para o crebro.

Os exames de EEG dos pacientes mostraram todo um espectro de anormalidades na atividade cerebral, incluindo alguns padres rtmicos e picos epilpticos na atividade. A anormalidade mais comum observada foi a desacelerao difusa, que uma desacelerao geral das ondas cerebrais que indica uma disfuno geral na atividade cerebral.

No caso da Covid-19, esse prejuzo pode ser resultado de uma inflamao generalizada, j que o corpo aumenta sua resposta imune ou, possivelmente, reduz o fluxo sanguneo para o crebro, se o corao e os pulmes estiverem fracos.

Baburov/Reprodu

Os dados mais comuns do EEG foram a desacelerao ou a descarga eltrica anormal, principalmente no lobo frontal. Imagem: Baburov/Reproduo

“Anormalidades do EEG que afetam o lobo frontal parecem ser comuns na encefalopatia causada pela Covid-19 e tm sido propostas como um potencial biomarcador, se forem registradas de forma consistente”, escreveram os autores no artigo.

Quanto aos efeitos localizados, um tero de todas as anormalidades detectadas foram encontradas no lobo frontal, a parte do crebro que lida com tarefas de pensamento executivo, como raciocnio lgico e tomada de deciso. O lobo frontal tambm nos ajuda a regular nossas emoes, controlar nosso comportamento e est envolvido no aprendizado e na ateno.

“Essas descobertas nos dizem que precisamos experimentar o EEG em uma gama mais ampla de pacientes, bem como outros tipos de exames cerebrais, como ressonncia magntica ou tomografia computadorizada, que proporcionam uma viso mais detalhada do lobo frontal”, explicou o neurologista e coautor Zulfi Haneef, da Faculdade de Medicina Baylor, em Houston (EUA).

Pacientes curados ainda enfrentam sequelas

Com o tempo, um EEG poderia ajudar a determinar um diagnstico de Covid-19 ou sugerir possveis complicaes. Isso pode ajudar mdicos a monitorarem as complicaes a longo prazo da doena e a detectar quaisquer efeitos duradouros na funo cerebral de um paciente.

Infelizmente, do jeito que esto, os resultados no indicam quo raros ou comuns so esses distrbios de ondas cerebrais na populao mais ampla, uma vez que apenas pacientes com o novo coronavrus e que fizeram um teste de eletroencefalograma foram includos na anlise. Mas isso aumenta a evidncia de que a doena pode ter um srio impacto em nossa sade neurolgica.

medida que a pandemia se estende, chegamos a entender o quo teimosa a Covid-19 pode ser, com pacientes que ainda se sentem cansados meses depois de serem diagnosticados.

“Muitas pessoas pensam que vo pegar a doena, ficar bem e tudo voltar ao normal. Mas essas descobertas nos dizem que pode haver problemas de longo prazo, o que algo que suspeitamos e agora estamos encontrando mais evidncias para apoiar nossas suposies”, explicou Haneef.

Fonte: Science Alert

Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:

GarotoProdigio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *