EUA testam antena de satélite que promete aprimorar missões militares

EUA testam antena de satélite que promete aprimorar missões militares

O Laboratrio de Pesquisas da Fora Area dos Estados Unidos(AFLR) estuda um acordo com as empresas Isotropic Systems e SES Goverment Solutions para consolidar uma “nova gerao” de tecnologia de comunicaes por satlitecom a proposta de apoiar operaes militares do pas.

De acordo com a Fox News, junto ao Exrcito norte-americano, a instituio faz testes com um prottipo de antena formadora de feixe ptico da companhia Isotropic Systems, para averiguar a capacidade do equipamento de se conectar simultaneamente com duas constelaes de satlites na rbita geoestacionria (GEO) e na rbita mdia da Terra (MEO).

A ideia testar a integrao das antenas com os satlites MEO O3b, da SES Government. O recurso visa aprimorar a velocidade de transmisso de dados para os sistemas tticos de operaes militares, ao permitir que uma srie de satlites comerciais e militares se comuniquem em uma nica plataforma de antena.

“A antena da Isotropic proporcionar alto rendimento, com baixa latncia, sobre uma constelao MEO com capacidade simultnea de GEO. Isto uma mudana importante para o Exrcito dos EUA”, disse Pete Hoene, presidente e CEO da SES Government Solutions, em comunicado imprensa.

Em entrevista Fox News, o vice-presidente de Gerenciamento de Produtos da Isotropic System explicou que o sistema avalia em tempo real as condies das rotas de comunicao e identifica preventivamente canais alternativos, para evitar interferncias e bloqueios de sinal ou garantir um melhor desempenho.

Reprodu

A rbita terrestre mdia compreende a faixa de altitude acima de 2 mil km (rbita terrestre baixa) e abaixo de 35.786 km(rbita geostacionria). Imagem: Reproduo

Estratgico

A comunicao por satlite pode ser decisiva no sucesso ou no fracasso de uma operao militar. Isso porque um sinal eficiente e multidirecional garante que pilotos de um caa, por exemplo, possam receber rapidamente as coordenadas de um alvo, detalhes de navegao, informaes sensveis sobre ameaas, entre outros dados relevantes para a misso.

Como aponta a Fox News, a capacidade de satlites da MEO e da rbita Terrestre Baixa (LEO) foram testadas em exerccios militares das Foras Armadas dos EUA, recentemente. Em uma simulao no estado do Arizona, um veculo de combate recebeu a tarefa de destruir um tanque inimigo. Informaes estratgicas sobre o alvo foram transmitidas por rdio, com a ajuda de drones e helicpteros de observao.

Entretanto, os sistemas do veculo captaram primeiro as transmisses de satlites de LEO, operados em Washington. O episdio mostrou um novo patamar de velocidade e alcance da comunicao de satlites para fins militares, que deve ser ainda mais aprimorado com a conexo entre satlites da rbita mdia e da rbita geoestacionria.

Via: Fox News

GarotoProdigio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *