Remdesivir não previne mortes por Covid-19, aponta estudo da OMS

Remdesivir não previne mortes por Covid-19, aponta estudo da OMS

Um estudo global apoiado pela Organizao Mundial da Sade (OMS) concluiu que o remdesivir, antiviral considerado promissor contra a Covid-19, tem “pouco ou nenhum efeito” para evitar mortes pela doena. Os resultados foram divulgados na quinta-feira (15) e aguardam reviso por pares.

O estudo reuniu dados de 11 mil pacientes em 30 pases e 405 hospitais, e mostrou que, de modo geral, o medicamento no provocou alteraes relevantes nas taxas de mortalidade ou tempo de internao.

Desenvolvido originalmente para tratar o Ebola, o remdesivir foi apontado como uma esperana no combate Covid-19 graas sua capacidade de interferir na reproduo do vrus. Recentemente, o medicamento fez parte do coquetel experimental ministrado ao presidente dos EUA, Donald Trump, que contraiu o novo coronavrus no ms passado.

Reprodu

Alm de remdesivir, estudo reafirmou ineficcia da hidroxicloroquina. Imagem:Marcelo Ricardo Daros/Shutterstock

Agora, ele se junta s outras drogas que ganharam alguma popularidade no incio da pandemia, mas acabaram se revelando ineficazes, como ahidroxicloroquina. Esta, inclusive, tambm foi considerada pelo estudo, assim como o interferon e a composio lopinavir/ritonavir.

“Para cada medicamento do estudo, o efeito sobre a mortalidade foi decepcionantemente pouco promissor”, concluiu a OMS.

Remdesivir mostrou benefcios em outros estudos

Ouvido pelo The New York Times, o doutor Peter Chin-Hong, especialista em doenas infecciosas da Universidade da Califrnia, pediu cautela na interpretao do estudo.

Ele observou queensaios grandes como este, realizados em diversos pases e envolvendo vrios sistemas de sade, podem extrair dados de protocolos de tratamento inconsistentes, cujos efeitos so difceis de analisar.

De fato, os dados apresentados pela OMS contradizem dois grandes estudos norte-americanos que apontaram que o remdesivir pode reduzir o tempo de internao de pacientes com Covid-19.

Reprodu

Outros estudos indicam que remdesivir reduz o tempo de internao por Covid-19. Imagem:Kunal Mahto/Shutterstock

“Os resultados parecem inconsistentes com evidncias mais robustas de mltiplos estudos controlados, e publicados em revistas, que validam o benefcio clnico do remdesivir”, afirmou, em nota, a farmacutica fabricante da droga, Gilead Sciences.

Em 1 de maio, o remdesivir recebeu autorizao de uso emergencial da Food and Drug Administration, agncia que regula a sade pblica nos EUA, aps um teste do National Institutes of Health descobrir que o medicamento reduz o tempo de recuperao de pacientes graves.

No Brasil, a Anvisa autorizou testes com o remdio em junho, e atualmente ele est em fase de aprovao.

Via: The New York Times

Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:

GarotoProdigio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *