Twitter, Google e Facebook debatem lei favorável ao setor de tecnologia

Twitter, Google e Facebook debatem lei favorável ao setor de tecnologia

Os CEOs do Google, Twitter e Facebook, Sundar Pichai, Jack Dorsey e Mark Zuckerberg, respectivamente,vo novamente prestar depoimento frente do Comit de Comrcio do Senado dos EUA, desta vez em carter voluntrio e no intuito de discutir um projeto de lei que beneficia as empresas do setor.

Dorsey e Zuckerberg declararam que “a audincia deve ser construtiva e focada no que importa mais para o povo americano: como trabalharmos juntos para proteger as eleies”. J Sundar Pichai no se manifestou, mas uma fonte afirmou Reuters que ele estar presente. Os trs executivos devero comparecer por meio de videoconferncia na ocasio marcada para 28 de outubro.

Reprodu

Pichai, Dorsey e Zuckerberg: os trs CEOs tm um novo encontro com o senado norte-americano. Imagem:AFP/Drew Angerer/Alex Wong, via Getty Images

Responsabilidade pelo contedo

A pauta principal do encontro ser uma reforma proposta no artigo 230 do chamado “Ato pela Decncia das Comunicaes” (“Communications Decency Act”). De forma resumida, a lei isenta empresas de tecnologia de qualquer responsabilidade relacionada ao contedo publicado em suas plataformas pelos seus usurios. A grosso modo: um post racista pode render um processo para o seu autor, mas no para o Facebook, segundo essa norma.

Entretanto, o presidente norte-americano, Donald Trump, vem h meses acusando as trs empresas de artificialmente suprimir discursos de cunho conservador, com seus eleitores e seguidores engrossando esse discurso. Como consequncia, a audincia do dia 28 vai discutir a possibilidade de uma reforma que traga essa reflexo. Vale citar: Trump tentar a reeleio ao cargo no dia 3 de novembro, quando acontecem as eleies presidenciais nos EUA.

Alm da reviso proposta da lei, a audincia tambm deve tocar em tpicos como a privacidade e proteo de dados dos usurios, alm da consolidao de mdia, embora estes ltimos no tenham sido melhor detalhados.

Fonte: Reuters


Google Twitter Facebook EUA Mark Zuckerberg empresas de tecnologia

GarotoProdigio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *